domingo, outubro 26, 2008

Lição de Vida IV - Não Tenhas Medo das Emoções

Casa de Hóspedes
Isto de ser humano é como uma casa de hóspedes
Todas as manhãs uma nova chegada
Uma alegria, uma depressão, uma maldade,
Alguma consciência súbita que surge
Como uma visita inesperada.
Dêem-lhes as boas vindas e divirtam-nas!
Mesmo que sejam uma multidão de lamentos,
Que nos varrem subitamente a casa
Despojada da sua mobília,
Continuem a homenagear cada convidado.
Ele pode estar a prepará-lo para uma nova maravilha.
Ao pensamento obscuro, à falsidade, à malícia,
Recebam-nos à porta com um sorriso,
E convidem-nos a entrar.
Fiquem gratos por quem quer que entre,
Porque todos foram enviados
Como um guia do Além.

Rumi, poeta sufi (século XIII)
S.C.

Para saberes mais sobre o Sufismo:
http://fundacaomaitreya.com/artigo.php?ida=403
Para conheceres mais poesias sufi:

http://www.sertaodoperi.com.br/poesiasufi/

3 comentários:

JMA disse...

O sujeito cria, até certo ponto, a realidade...
Parabéns pelo vosso trabalho. Boa semana.

Eugénia Sebastião, nº7-10ºD disse...

Parabéns pelo blog! Está cheio de posts interessanres, porém, esta IV lição de vida despertou em mim uma atenção especial. É um poema magnífico e retrata muito bem este nosso medo de, por vezes, enfrentarmos as emoções! Estou certa de que voltarei mais vezes...Continuação de bom trabalho.
Eugénia Sebastião, nº7-10ºD

Anónimo disse...

Obrigada, Eugénia! Continuação de um bom ano lectivo!

Assinado: Sandra Costa